11/11/2018

LISTA DE COMPRAS PARA CUIDADOS COM MINHA PELE OLEOSA


                                                                                                            Foto do google

   Oii meus amouros. Espero que esteja tudo bem por aí. O post de hoje vim mostrar a vocês, produtinhos maras de cuidados para pele oleosa. Passei o ano quase todo pesquisando e encontrei esses sem um pingo de reclamação. Irei aproveitar agora a black friday com preços maras para colocar esses produtos em minha rotina de cuidados.


   Abaixo tem esse gel de limpeza da Skinceuticals, conheci o tonico atravez da Joyce Kitamura e o gel pela Mariana Sampaio. Pesquisei mais e vi que era essa maravilha que elas falaram mesmo. As águas termais tem essas duas. Mas, tambem tem a da la roche que é ótima. Querooo estoque! porem, dinheiro não tenho hahaha.










  Abaixo tem alguns hidratantes maravilhosos também. Quando eu comprar vou trazer posts sobre os produtos ok? não vejo a hora ♥. Esse rosinha é para o colo e pescoço, um dos lugares mais importantes que a gente não dá tanta bola como deveria dar.











  Acima tem esses dois sabonetes líquidos e séruns para regular a oleosidade e prevenir sinais. Ainda tô em duvida sobre esse sabonete liquido da la roche ( o azul), algumas pessoas falaram que ele dá resultado inverso. Tô pensando em comprar o da Bioderma.


  Existem mais produtos que não está nessa lista, se der tudo certo. Vou trazer tuuudo aqui pra vocês ♥. Espero muuito que vocês tenham gostado. Não esquece de deixar um comentário tá?! você ja usou ou usa esses produtos? deixe aqui <3




Quer seu produto/loja aqui no blog?: beijosdavickblog@outlook.com


Migles vamos ser intimas? me adicione nas redes abaixo 

Me mande email: beijosdavickblog@outlook.com
                       
Meu canal no youtube: Victória Britto http://youtube.com/victoriabritto15
                                  
Snap: beijosdavick

Me siga no Twitter : @beijosdavick

Me siga no Instagram! respondo todos e tem mts stories divertidos ♥: @beijosdavick  

Faça parte da minha Fan Page: Beijos da vick 

Me siga no Pinterest: Victoria Britto   


Blogger Widgets

07/11/2018

TUDO SOBRE COLÁGENO





   Oiin meus amouros. Euzinha estou com 22 anos, pois é.. tô desesperada ja a procura de coisas anti-idade kkkkk, e uma delas é o colágeno. Encontrei um post mara e vim correndo compartilhar com vocês ♥. Fonte no fim do post tá?
   O colágeno é uma classe bastante abundante de proteínas formadas por aminoácidos no organismo humano. Ele tem a função de manter as células unidas e é o principal componente proteico de órgãos como a pele, cartilagens e ossos.

   A produção de colágeno é o resultado de uma complexa sequência de eventos bioquímicos no interior das células. Pelo fato de o colágeno ser produzido naturalmente pelo nosso organismo, ele pode ter uma produção diminuída ou exagerada, causando alguns danos à nossa saúde.


   Quando entramos na fase adulta (a partir de 30 anos), a deficiência do colágeno começa a ser notada. Nessa fase fica mais visível a diminuição da elasticidade da pele, o aparecimento de rugas e o aumento da fragilidade articular e óssea. Por isso é importante repor esse nutriente.

Deficiência do Colágeno

   A deficiência de colágeno, também chamada de colagenose, acarreta problemas como: má formação óssea, rigidez muscular, problemas com o crescimento, inflamação nas juntas musculares, doenças cutâneas, entre outros.

  A deficiência de colágeno está também associada à diminuição da espessura do fio capilar e com a desidratação e perda de elasticidade da pele, culminando em flacidez e no aparecimento de rugas e estrias. Além disso, prejudica as articulações e enfraquece os ossos.

Como repor o colágeno?

   Já que com o tempo o organismo vai diminuindo a produção de colágeno, existe alguma forma de repor?

  Sim, até existe, mas se for tomar o colágeno em forma de suplemento deve ser em boas quantidades e pro resto da vida. E dependendo de como for esse suplemento, se for de má qualidade, não irá fazer efeito algum. Além do suplemento de colágeno, existem duas formas eficientes para reposição, que são:

Proteína: A melhor forma de repor o colágeno é na ingestão de proteínas. Como qualquer proteína que ingerimos, o colágeno é desmembrado em aminoácidos, através da digestão. Os aminoácidos são os "tijolos" da proteína: depois de digerida, a proteína, desmembrada na forma de aminoácidos, é recombinada da maneira que o corpo precisa, seja como tecido muscular, pele, unhas, cabelos… ou colágeno.

   O colágeno nada mais é que um tipo de proteína. Uma de suas principais funções é formar fibras que dão sustentação à pele (para quem se exercita, contribui também na formação dos músculos). Extraído do osso e da cartilagem do boi, o colágeno passa pelo processo de hidrólise (quebra das moléculas de proteína) para ser mais facilmente absorvido pelo organismo.

Gelatina: Outra forma de reposição é a ingestão de gelatina. A gelatina é um produto feito a partir do colágeno e contém proteínas que, quando absorvidas pelo intestino, são parcialmente digeridas e fornecem aminoácidos fundamentais para a manutenção dos ossos e reconstituição de algumas articulações.

   A gelatina contém 18 aminoácidos. O organismo humano necessita de 10 dos chamados aminoácidos essenciais, que são consumidos através dos alimentos. A gelatina contém 9 destes aminoácidos essenciais em uma proteína alimentícia de fácil digestão e utilização.

   O aminoácido triptofano não está presente na gelatina; entretanto, isto não é muito significativo uma vez que este aminoácido é encontrado em quantidades adequadas em outros alimentos.

   Quanto à reposição de colágeno, especialistas divergem em suas opiniões: alguns acreditam que a reposição não resolve, enquanto outros acreditam que ela é perfeitamente válida.

Tudo sobre Colágeno!


E sobre o colágeno hidrolisado?

   Ele até pode funcionar, dependendo do caso, mas a forma mais eficiente de repor o colágeno é a ingestão de proteína.

O colágeno hidrolisado (um tipo especial de gelatina) contém os aminoácidos essenciais glicina e prolina em concentração 20 vezes maior do que outras proteínas. Ambos são componentes importantes do tecido conjuntivo e asseguram sua consistência e elasticidade. Ele também tem efeito regenerativo em ossos e articulações.

Benefícios da Reposição do Colágeno

Retarda o envelhecimento e previne rugas
Combate a flacidez da pele
Fortalece unhas e cabelo
Contribui para saúde dos ossos
Previne o aparecimento da celulite e estrias
Colabora no aumento da tonicidade dos músculos
Auxilia no funcionamento do sistema linfático


Aplicação Cosmética

O colágeno é uma proteína "mágica" para deixar a pele mais firme. Alguns dermatologistas já provaram que, ao usar produtos de beleza que levam o composto em sua fórmula, a pele torna-se mais macia, firme e saudável. O colágeno também ajuda na manutenção do tônus muscular deixando a pele mais firme e menos flácida.

Indicação do Colágeno Hidrolisado

É indicado para pessoas acima de 30 anos. Como suplemento nutricional é indicado para pessoas fisicamente ativas que desejam aumentar o consumo de proteínas, assim como para o fortalecimento de unhas e cabelos. Também é indicado em processos de cicatrização e recuperação de lesões e em processos de emagrecimento.


Como utilizar o colágeno?

Você pode usar a suplementação de colágeno hidrolisado tanto em cápsulas quanto em pó. Se você quer melhorar a produção de colágeno no organismo, é necessário investir nas proteínas.

Fonte: Beleza e saúde


  É isso meus amouros, espero que tenham gostado do post, um beeijo e ate o próximo ♥


Blogger Widgets

06/11/2018

MATANDO A VERGONHA DE GRAVAR EM PUBLICO/ MOSTRANDO MINHA CIDADE




    Ooooooooooie geente maravilhosa. Saiu o primeiro vlog do canal. Tô nervosaaa kkk, pra quem  não sabe estou participando do desafio méliuz e o primeiro vídeo do desafio é gravar um vlog. Gravei e tá ai, espero que tenha ficado bom em nome de Jesus kkkkkk. Beeeeijos, espero que vocês gostem do vlog. Veem assistir


 Clique nesse link aperte em votar e faça parte da realização do meu sonho!









Blogger Widgets

04/11/2018

Quem tem pele oleosa também precisa de hidratação, sabia?





  Oi meus amoouros, espero que esteja tudo bem por aí. Pra quem não sabe minha pele é super, hiper, mega oleosa ( ja fiz vários posts aqui no blog sobre isso) e eu tô sempre pesquisando melhorias pra ela, em todo canto eu sempre vejo perguntas assim: minha pele é oleosa, eu preciso hidratar é? mas, não fica pior não?. Achei esse post e vim correndo compartilhar com você da pele oleosa essa dica/ tirada de dúvida babadeira.

  Deixo a fonte no fim do post tá?

  Grande parte da população brasileira possui pele oleosa e sofre com isso. Seja por conta do clima majoritariamente quente aqui do país ( no meu caso né? que moro no nordeste), de fatores genéticos, hormonais ou até mesmo por consequência de alguns hábitos ligados ao estilo de vida, fato é que lidar com brilho excessivo, acne e, muitas vezes, problemas dermatológicos ainda mais graves é uma realidade para muita gente.


   E, após usar mil e um produtinhos para deixar a cútis (película que recobre a pele das pessoas; epiderme a pele do rosto) mais seca, será que você já chegou a pensar que a pele oleosa precisa, sim, de hidratação como qualquer outra?

Pele oleosa X outras peles: quais as principais diferenças?


   Para entender o básico, considere uma régua imaginária com duas extremidades – ou, então, uma linha horizontal com começo, meio e fim demarcados. De um lado ficam as pessoas de pele seca e, do outro, indivíduos de pele oleosa. No meio de tudo estão as peles normais e mistas, sendo que a primeira vive em equilíbrio e a segunda, nem tanto. 

   A pele oleosa tende ao excesso de produção de sebo, apresenta brilho intenso, alta umidade e sensação pegajosa. Os poros se apresentam dilatados e com tamanhos irregulares e, na maioria das vezes, ela vem associada a à acne (em forma de cravos e espinhas). Já a pele seca tem deficiência de sebo e água, aspecto áspero e sem brilho, tendendo ao ressecamento e craquelamento com maior facilidade.


   Enquanto as normais reúnem o melhor dos dois mundos, apresentando equilíbrio entre as funções hídrica e oleosa, poros fechados e regulares, viço e maciez, as peles mistas são aquelas que geralmente contam com a oleosidade localizada na chamada “zona T (testa, nariz e queixo)”, enquanto o restante da face pode ter aspecto de pele normal ou seca.


Por que hidratar?


   Todas as peles devem ser hidratadas para que mantenham suas características naturais, barreiras de proteção e funcionalidades vigentes. Caso contrário e, obviamente, destacando as oleosas, problemas já existentes como brilho exagerado, dilatação dos poros, cravos e espinhas, conforme explicamos, podem piorar ainda mais.

   A solução, então, é hidratar e hidratar, mas sempre de forma equilibrada, para que hidratação natural e produção excessiva de óleo, comumente presentes nas peles oleosas, não entrem em conflito.

   Como assim? É que o uso de ativos para tratar a oleosidade acaba levando a um ressecamento da pele e, para tentar se proteger, o organismo responde produzindo ainda mais sebo. Resumindo: as peles oleosas também ficam desidratadas, mas não apresentam aspecto seco – e sim, o brilho.


   Quer mais um motivo para começar a investir na hidratação do rosto? Uma pele hidratada, além de tudo, fica mais tolerante ao uso de ácidos que ajudam a controlar a produção de sebo e fechar os poros – funciona como se um efeito potencializasse o outro.

  Deve-se, também, evitar a lavagem em excesso, já que isso pode provocar o chamado ‘efeito rebote’, levando a uma maior produção de gordura na pele.

   O segundo passo fica por conta dos tônicos adstringentes, que dão um up na limpeza, eliminando de vez as impurezas. Finalmente entra a hidratação, em terceiro lugar:

  Aplique o hidratante diariamente, uma vez ao dia, antes de sair de casa e mantendo a ordem aqui apresentada. Para finalizar, protetor solar com ação controladora de óleo e FPS 30, no mínimo.


   Se necessário, sempre consultando um profissional dermatologista, faça uso de substâncias regeneradoras, capazes de diminuir a produção de sebo ou fechar os poros, que podem ser aplicadas durante a noite. Se necessário, esfoliações periódicas também pode entrar no pacote.


Aliados poderosos

   Ao escolher seu hidratante prefira aqueles que contenham ativos como sílica, argila, zinco, alfa-hidroxiácidos e antioxidantes. Já a textura deve ser em sérum, fluido, gel ou loção – mas atente-se aos acabamentos. Você pode dizer “sim” para os que apresentam cobertura oil free (livre de óleos), matificante (ou “efeito mate”, na embalagem), toque seco e os não-comedogênicos, ou seja, que não obstruem os poros.

   Ah! Não se esqueça de que seu filtro solar também deve fazer parte das categorias acima, com efeito regulador de sebo. Combinado?

Inimigos letais


   Agora que você já sabe em quais produtos apostar, logo fica mais fácil entender quais tipos devem passar bem longe do seu necessáire. Para ajudar: cremes, principalmente aqueles mais espessos, e óleos vegetais, como os de glicerina e lanolina, geralmente indicados para pele seca, vão acabar obstruindo seus poros, aumentando a oleosidade e, por fim, levando à acne.

   A maquiagem do dia a dia também precisa estar de acordo com seu tipo de pele. Novamente, na hora de escolher a base, o corretivo e o pó, prefira produtos oil free e não-comedogênicos.



Fonte: M de mulher


  Gostaram do post? eu simplesmente amei demais ♥. Espero que tenham gostado e ajudem vocês, um beeijo e ate o proximo ♥


Quer seu produto/loja aqui no blog? mande email para: beijosdavickblog@outlook.com


Migles vamos ser intimas? me adicione nas redes abaixo 

Me mande email: beijosdavickblog@outlook.com
                       
Meu canal no youtube: Victória Britto http://youtube.com/victoriabritto15
                                  

Me siga no Twitter to 24 hrs : @beijosdavick

Me siga no Instagram! respondo todos e tem mts stories divertidos ♥: @beijosdavick  

Faça parte da minha Fan Page: Beijos da vick 


Me siga no Pinterest: Victoria Britto   


Blogger Widgets

03/11/2018

Low poo: o que é e como adotar este estilo de cuidado com os cabelos


   
   Oi meus amouros, espero que esteja tudo bem por aí. Há um bom tempo eu ja tinha recebido umas 2 ou 3 kk mensagens de alguem pedindo pra eu falar um pouco sobre low poo aqui no blog, porem, não utilizo esse estilo, mas, dei uma pesquisada e trouxe um post bem bacana pra você que ta querendo adquirir. A fonte está no fim do post, espero que gostem, beeijoo ♥

   Diminuir a quantidade de substâncias agressivas nos produtos de higiene pessoal tem sido a escolha de muita gente que procura uma abordagem mais natural para o dia a dia. Aí entra o low poo, estilo de cuidado com os cabelos que evita componentes como lauril sulfato de sódio, parabenos, sulfossuccinato de sódio e petrolatos nos xampus e condicionadores.

   Quando realizado com os produtos adequados, o low poo não faz com que os cabelos fiquem menos limpos e, de quebra, beneficia a saúde dos fios e do couro cabeludo. Os xampus normalmente produzem pouca ou nenhum espuma, por serem neutros.

 Para quem o low poo é indicado?

   Quem se beneficia imensamente com o low poo são as pessoas que lavam os cabelos com muita frequência, seja por circularem em ambientes poluídos ou por praticarem atividades físicas intensas que façam o couro cabeludo suar excessivamente.

   A técnica é adequada também para pacientes com sensibilidade no couro cabeludo, inflamações (foliculite, por exemplo), que tenham se submetido a transplante capilar ou que tenham removido câncer do couro cabeludo.


Existem contraindicações ao low poo?

   Sim, existem algumas pessoas que não devem aderir ao low poo.

   Quem tem cabelos oleosos deve ter cuidado, pois nestes casos pode haver um aumento da oleosidade e da caspa. Além disso, quem tem doenças como a dermatite seborreica precisa de produtos de tratamento adequados, indicados por um especialista. Nestes casos, o uso do low poo não será benéfico.

   O dermatologista e o tricologista são os médicos capacitados para verificar se você pode ou não fazer low poo.

Quais são os xampus e condicionadores ideais para low poo?

   Hoje em dia está fácil encontrar produtos já formulados especialmente para o low poo – são xampus e condicionadores desenvolvidos com muito menos química e que têm a indicação de low poo nos rótulos.


   Outras alternativas para quem quer adotar o low poo, mas antes prefere fazer uma espécie de “test drive” com os produtos que tem em casa, são diluir o xampu e o condicionador em água (em uma proporção de 1:1, ou seja, quantidades equivalentes de xampu e água e de condicionador e água) e usar xampus e condicionadores de linhas infantis com formulação suave (aqueles que prometem não causar lágrimas são os melhores).

Precisa de período de adaptação para fazer low poo?

   Não necessariamente. Você pode começar a fazer low poo um belo dia e se dar muito bem logo de cara. Porém, se achar que os cabelos não estão respondendo de forma satisfatória à novidade (se a raiz estiver ficando pesada, por exemplo), uma boa ideia é passar a fazê-lo em lavagens alternadas, para dar um tempo para o couro cabeludo se acostumar com a ausência de químicas mais pesadas até elas serem eliminadas de sua rotina de vez. Como um detox mesmo.


Fontes: médicos dermatologistas Adriano Almeida (diretor da Sociedade Brasileira do Cabelo) e Reinaldo Tovo (chefe do serviço de residência médica de dermatologia do Hospital Sírio Libanês)

Fonte do post: M de Mulher

Quer seu produto/loja aqui no blog?: beijosdavickblog@outlook.com


Migles vamos ser intimas? me adicione nas redes abaixo 

Me mande email: beijosdavickblog@outlook.com
                       
Meu canal no youtube: Victória Britto http://youtube.com/victoriabritto15
                                  
Snap: beijosdavick

Me siga no Twitter : @beijosdavick

Me siga no Instagram! respondo todos e tem mts stories divertidos ♥: @beijosdavick  

Faça parte da minha Fan Page: Beijos da vick 

Me siga no Pinterest: Victoria Britto   

Blogger Widgets

Páginação - Não altere este gadget!



© beijos da vick - TODOS OS DIREITOS RESERVADOS - DESENVOLVIDO POR